Brasil x Dinamarca – Contra a parede, Seleção Canarinho deve ir mudada

Por: Folha de Sergipe - Destaque Geral» Esporte» Slide - 10 de agosto de 2016 - 13:26 - Sem Comentários

images (1)A Seleção Brasileira masculina de futebol entra em campo nesta quarta-feira, às 22h, para enfrentar a Dinamarca, em Salvador, na Arena Fonte Nova, pela 3ª rodada da 1ª fase das olimpíadas. Após dois empates por 0 a 0, mostrando um futebol muito aquém do esperado, a Seleção Canarinho gerou grande insatisfação na torcida brasileira e entra em campo bastante pressionada, com as opções de vencer ou vencer.

 

Para se classificar para a próxima fase e evitar mais um grande vexame em sua recente história, a seleção brasileira precisa vencer, ou seja, vão para o tudo ou nada. Em caso de qualquer tropeço brasileiro e se houver um vencedor no outro jogo do Grupo A, entre Iraque e África do Sul, o Brasil estará eliminado das olimpíadas.

O time brasileiro empatou por 0 a 0 em sua estreia contra a África do Sul e em seu segundo jogo, contra o Iraque. Assim, o Brasil soma apenas dois pontos e ocupa a 3ª colocação. O líder do grupo é justamente a Dinamarca, com quatro pontos. Com mais gols marcados, o Iraque também tem dois pontos, mas é o segundo colocado. A África do Sul está em último, com apenas um ponto.

SEM THIAGO MAIA
As atuações ruins deixam a expectativas de alteração por opção do técnico Rogério Micale em alta. Gabriel Jesus vem sendo um dos mais cobrados e mais apagados em campo e há a possibilidade da entrada de Luan, do Grêmio, no lugar do jogador do Palmeiras. Outra opção que pode ser utilizada pelo técnico pode ser a entrada de Rafinha Alcântara no lugar de Felipe Anderson.

Um dos que vêm se salvando um pouco é o volante Thiago Maia, mas o jogador levou dois cartões amarelos e está suspenso para a próxima partida. Para seu lugar, Micale deverá optar por Walace, do Grêmio, ou Rodrigo Dourado, do Internacional.

CADÊ NEYMAR?
Por ser o principal nome da seleção, Neymar também está sendo o jogador mais cobrado. Esta será a primeira partida Neymar Jr. contra a Dinamarca e o craque entrará com fome de gol, já que não marcou em seus três últimos confrontos. O camisa 10 da Seleção já jogou quatro vezes em Salvador e duas vezes no Fonte Nova, balançando a rede uma vez no estádio. Agora ele volta ao campo com a missão de ajudar os seus companheiros a continuar na luta pelo ouro.

 

Brasil

Wéverton;
Zeca, Rodrigo Caio (Luan), Marquinhos e Douglas Santos;
Walace (Rodrigo Dourado), Renato Augusto e Felipe Anderson (Rafinha); Gabriel Barbosa, Neymar Jr. e Gabriel Jesus (Luan).
Técnico: Rogério Micale
Dinamarca

Jeppe Højbjerg;
Edi Gomes, Jakob Blåbjerg, Andreas Maxsø e Pascal Gregor;
Jens Jønsson, Frederik Børsting, Mikkel Desler e Lasse Vibe;
Brock-Madsen e Emil Larsen (Robert Skov)
Técnico: Niels Frederiksen

Deixe seu comentário!

Para: Brasil x Dinamarca – Contra a parede, Seleção Canarinho deve ir mudada