Samuel enaltece concurso para cargos da SSP

Por: Folha de Sergipe - Destaque Geral - 29 de dezembro de 2017 - 16:06 - Sem Comentários

O deputado estadual Capitão Samuel (PSL) celebrou a publicação, no Diário Oficial do Estado dessa sexta-feira (29), do edital de autorização governamental para realização do concurso público promovido pelo Governo do Estado para delegado, Guarda Prisional, Bombeiro e Polícia Militar.

Segundo o parlamentar, a conquista é válida porque representa um aumento no efetivo das Polícias. “É um reforço na Segurança Pública e era uma cobrança de todos. É preciso melhorar a prestação dos serviços à população. Nós lutamos pelo concurso há alguns anos e eu reconheço sim o esforço do governo porque consegue anunciar um concurso em plena crise para reforçar a SSP e tentar reduzir os índices de violência que assustam o nosso Estado”.

Segundo informações da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), serão 10 vagas para delegado, 100 vagas para guarda prisional, 30 vagas para aspirante da Polícia Militar, 300 vagas para soldado da PM, 12 vagas para aspirante do Corpo de Bombeiros Militar (CBMSE) e 200 vagas para soldado do CBMSE.

Conforme outras informações da Seplag, até o final de janeiro, serão publicados no Diário Oficial os editais com os cronogramas e as regras para realização dos concursos, a ser realizados em 2018, conforme prometido pelo governador Jackson Barreto.

Por sua vez, Samuel disse que não basta fazer o concurso e que é preciso ter uma política de valorização das categorias. “Junto com o concurso público tem que vim a valorização dos trabalhadores. Tem que entrar em vigor o subsídio da PM e dos bombeiros, tem que entrar em vigor as leis dos agentes prisionais e da Polícia Civil. Até para que os aprovados no concurso possam entrar e ter condições de desempenharem suas atividades, servindo a sociedade”.

Nível Médio

Samuel disse que chegou a aprovar o projeto de lei complementar nº 278/2016, estabelecendo o nível superior em Direito para oficiais e qualquer nível superior para soldado, mas a pedido do governador e do Comandante da PM, estabeleceu que, por cinco anos após a publicação da lei, o Comando ainda podia optar para que o edital constasse a exigência pelo ensino médio completo.

“Este concurso que o edital virá em janeiro será para nível médio porque muita gente está pedindo porque completou o 2º grau e tem muita gente cursando a faculdade agora. O governo e o Comando da PM decidiram optar por oportunizar para todos. É importante ressaltar que dos 1,2 mil que entraram no último concurso, 90% já têm nível superior”, colocou o deputado.

SEJUC

Cristiano SejucQuem também celebrou o anúncio do concurso foi o secretário de Estado da Justiça e Defesa do Consumidor, Cristiano Barreto Guimarães. Ele se mostrou bastante satisfeito com a abertura de vagas para guardas prisionais e disse que também trabalhou bastante para a realização deste concurso público. “Foram várias reuniões com o governador e nós sabíamos da sua sensibilidade e que apenas aguardava o momento certo para fazer o anúncio”.

Segundo o secretário, a SEJUC fecha o ano com bastante alegria com a decisão do governo de anunciar o concurso. “Estamos reaparelhando a secretaria com 400 coletes a prova de bala e 74 carabinas para os agentes que, inclusive, já têm porte de arma concedido pelo governador através de um decreto. Eles já usam a arma de uso restrito, já receberam a pistola. Antes não tinham essa prerrogativa. Foram investimentos da ordem de R$ 12 milhões em equipamentos para agentes e para as unidades prisionais”, festejou.

 

Da Agência de Notícias Alese

Deixe seu comentário!

Para: Samuel enaltece concurso para cargos da SSP