Valadares: “Eu Vou Pedir Perdão Ao PSB Por Ter Indicado Belivaldo Como Vice”

Por: Folha de Sergipe - Política» Slide - 8 de agosto de 2016 - 11:29 - Sem Comentários

imagesO senador Antonio Carlos Valadares (PSB), está visivelmente irritado e magoado com o vice-governador Belivaldo Chagas, que deixou o PSB e vai apoiar a pré-candidatura de Edvaldo Nogueira (PCdoB), inclusive o vice-governador vai para o PMDB.

O senador Valadares fez duras criticas a Belivaldo Chagas, na manhã desta segunda-feira (08), após o vice-governador fazer um discurso durante o lançamento da pré-candidatura de Edvaldo Nogueira. Em entrevista, Valadares afirmou que “é lamentável que a cada dia que passa os partidos e lideranças estão perdendo a credibilidade. Hoje não há fidelidade, não há gratidão”, disse em tom de desabado em entrevista aos radialistas Magna Santa e Evenilson Santana, no programa jornal da Ilha.

 

Valadares afirmou ainda que o então candidato ao governo do estado, Jackson Barreto (PMDB), não queria ter Belivaldo como vice em sua chapa. “Em 24 de junho de 2014, Eduardo Campos me fez uma visita e pediu que eu não apoiasse esse grupo, mas eu contrariei e coloquei Belivaldo como vice. Jackson não queria. Ele dizia que Belivaldo não tinha voto. Jackson procurou primeiro João e como ele não quis, acabou aceitando Belivaldo”, afirmou o senador.

Para Valadares, “vou responder o que ao discurso de Belivaldo?. Eu vou pedir perdão ao PSB por ter indicado Belivaldo como vice. Nós fomos estupidamente enganados. Ele não me procurou em momento nenhum, nem mesmo para dizer, olha estou saindo. Ele tomou essa posição e não teve a delicadeza de me comunicar. Agora Jackson vai usar esse discurso para dizer, olha ele deixou o PSB para apoiar o comunista”, afirmou Valadares.

Ainda sobre o discurso de Belivaldo, o senador disse que “eu me surpreendi com o discurso de Belivaldo durante o lançamento da candidatura de Edvaldo. Eu lamento que politicos trocam de partido como se troca uma camisa. A política está mudando e lamentavelmente para pior”, disse Valadares.

 

Antonio Carlos Valadares disse ainda que “sobre a indicação de Belivaldo como vice, já que Jackson não queria ele, eu me reuni com Benedito Figueiredo que é um homem de bem e disse a ele que esse seria o nome. Ai o Bendito disse a ele que acabou aceitando o Belivaldo. Então ele deveria ter dito, o miserável, eu estou saindo do partido. Mas nem isso ele fez”, desabafou, voltando a afirmar que “isso me causou um constrangimento, uma dor e quero deixar claro que não tenho nada contra Jackson Barreto que procura desgastar aliados. Ele cuida da vida dele, principalmente do estado que está quebrado”, lamentou.

Valadares lembrou ainda sobre a época em que o ex-governador Marcelo Déda estava internado em São Paulo. O senador disse que “Déda em que fazia a mediação, porque Jackson gosta de fazer intrigas e o saudoso Déda fazia toda a mediação. Quem não lembra que Déda estava triste com a atuação de Jackson quando ele assumiu o governo quando o saudoso Déda se licenciou”, disse.

 

Assim que tomou conhecimento das declarações feitas pelo senador, o vice-governador disse que “vou continuar respeitando o senador. Eu comuniquei o presidente do diretório do PSB, o deputado Valadares Filho”, disse em mensagem enviada à rede Ilha e finalizou dizendo: “o choro é livre”.

images

Munir Darrage

Deixe seu comentário!

Para: Valadares: “Eu Vou Pedir Perdão Ao PSB Por Ter Indicado Belivaldo Como Vice”